conecte-se conosco


Barra do Bugres

Recém-saído da cadeia, condenado por estupro abusa de sobrinha de nove anos

Publicados

em

Ele já havia estuprado as irmãs da nova vítima e tinha sido condenado há 17 anos de prisão por abusar do enteado

Karina Cabral
Um homem de 43 anos, identificado como Odair José Silva Santos, foi preso nessa quinta-feira (26) por estuprar a sobrinha de nove anos.

Odair tinha saído da cadeia há poucos dias. Ele cumpria uma condenação de 17 anos, por ter estuprado seu enteado, e também já havia abusado sexualmente das irmãs da nova vítima.

O caso aconteceu no Bairro Planalto, em Nova Marilândia (250 km de Cuiabá), por volta de 13 horas.

Conforme informações da Polícia Militar, o Conselho Tutelar foi acionado pela mãe da vítima.

As conselheiras acionaram a polícia, que ouviu a mãe e a vítima, que contou ter dormido na casa da avó na noite de Natal e acordado com o tio passando o órgão sexual em seu rosto e boca.

O suspeito foi preso e ele mesmo relatou aos policiais que tinha passagem na polícia por ter estuprado seu enteado.

Veja Também:  Detran e Semob discutem parceria para intensificar fiscalização de veículos em Cuiabá

O caso foi registrado como estupro de vulnerável e será investigado pela Polícia Judiciária Civil.

Comentários Facebook
Propaganda

Barra do Bugres

Povo Umutina realiza seminário para desenvolver turismo sustentável em seu território

Publicados

em

Atividades acontecem com apoio da Secretaria de Estado de Cultura de Mato Grosso

A comunidade Umutina-Balatiponé, de Barra do Bugres, Mato Grosso, realiza o seminário “Turismo Umutina, para onde vamos?” de 6 a 9 de março com o apoio da Secretaria de Estado de Cultura de Mato Grosso (Secel), após aprovação do projeto no edital MT Nascente.

De acordo com Isaac Amajunepá, coordenador-proponente do projeto, o objetivo é realizar a organização e experimentação da rota de vivência no território Umutina, que irá ampliar a geração de renda a partir do turismo cultural/patrimonial e ecológico na comunidade.

Ainda segundo o jovem, a comunidade já recebe anualmente grupos escolares, turistas individuais e pesquisadores, mas não mantém um projeto para usufruir dos benefícios que esta atividade econômica pode proporcionar.

“Com a Lei Aldir Blanc enxergamos a possibilidade de organizar e pensar numa estratégia de desenvolvimento de um turismo consciente e ético para a nossa comunidade, assim como na manutenção das famílias da comunidade”, afirmou Isaac.

Além da beleza natural do território, a Aldeia Central também mantém as casas históricas construídas por Marechal Cândido Rondon, na sua expedição telegráfica, que podem ser locais abertos para visitação.

Outro ponto forte do povo Umutina-Balatiponé é a transmissão de conteúdo de forma oral, que também deve ser aproveitado através da contação de histórias sobre o contato com a sociedade não indígena e todas as mazelas que vivenciaram. Além de relatar como fizeram para manter todo o conhecimento que restou do contato: as danças, cantos, pinturas e artes.

Nesse sentido, a ideia é mostrar aos visitantes como esse movimento de resistência está ligado ao território e poder levá-los também a conhecer a região através de trilhas e banhos nos riachos e rios.

Primeira visitação

Conforme Isaac, além do projeto garantir a capacitação e planejamento do plano de visitação, também irá proporcionar que um grupo possa participar da vivência na Aldeia Umutina, que será realizada até o final de março.

Comentários Facebook
Veja Também:  Saúde Municipal de Barra do Bugres oferta as gestantes Fisioterapia no Pré-Natal
Continue lendo

Barra do Bugres

Boletim informativo do Covid-19 em Barra do Bugres em 01 de março 2021

Publicados

em

A Secretaria Municipal de Saúde de Barra do Bugres MT divulgou o boletim atualizado dos casos da Covid-19 na cidade.  Ate o momento são:

3.737 – Suspeitos

1.946 – Já foram descartados

76 – Aguardando o resultado

1.715 – Foram confirmados

 

Evolução dos casos confirmados em Barra do Bugres

1.618 – Recuperados – “já foram curados”

49 – Ativos com a doença

05 – Internado em enfermarias

01 – Internado em UTI

42 – Pessoas foram já morreram por causa da doença

A conscientização da população neste momento é fundamental para que esse cenário mude, faça a sua parte, a pandemia não acabou muito pelo contrário, ela se agravou nos últimos dias.

 

Evite aglomerações, use a máscara corretamente, lave as mãos com frequência e se puder fique em casa.

 

Para denúncias ligue 190

 

Fonte: Comitê de enfrentamento ao Coronavírus

 

Barra News – A sua fonte diária de informação – Barra do Bugres MT

Comentários Facebook
Veja Também:  Ciretran promove blitz educativa pela campanha Maio Amarelo em Tangará da Serra
Continue lendo

QUEREMOS SABER SUA OPINIÃO

"2021" QUAIS SÃO AS SUAS EXPECTATIVAS PARA ESTE ANO QUE SE INICIA

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Mais Lidas da Semana