conecte-se conosco


Carros e Motos

Salão de Genebra: muitos supercarros, mas quase sem novidades para o Brasil

Publicados

em


Salão de Genebra 2019 tem o exemplar único do Bugatti La Voiture Noir como a grande vedete do evento suíço
Newspress

Salão de Genebra 2019 tem o exemplar único do Bugatti La Voiture Noir como a grande vedete do evento suíço

O Salão de Genebra abre suas portas para a imprensa mostrando que o que não falta é supercarro para endiheirados europeus. Além do exemplar único Bugatti La Voiture Noir, de US$ 19 milhões, há uma série de outros modelos do gênero de marcas que estavam até desaparecidas do cenário global ultimamente, como é o caso da Gumpert e da Hispano Suiza, como pode ser conferido na galeria abaixo, com 55 imagens. 

 LEIA MAIS: Confira as principais novidades do Salão de Genebra 2019, na Suíça

Quem tiver a oportunidade de percorrer os estantes no Salão de Genebra 2019
vai ficar satisfeito com os superesportivos que compareceram em peso, inclusive de fabricantes tradicionais nesse nicho de mercado, como a Ferrari, que trouxe o novo F8 Trubuto  no lugar do 488 GTB, ou a McLaren, com o híbrido Speedtail, com mais de 1000 cv de potência somando os rendimentos do motor a combustão e do elétrico.

Mas vai ser bem difícil encontrar novidades do Salão de Genebra 2019 que interessam ao Brasil. De tudo o que está sendo mostrado, encontramos apenas três carros que podem dar o ar da graça no País. Um deles é o novo Peugeot 208, que será fabricado na Argentina a partir do final de 2020 e chega ao mercado brasileiro no ano seguinte. 

Veja Também:  Ford Mustang terá motor híbrido, de alto desempenho, em 2020

Do Salão de Genebra 2019 para o Brasil


A nova geração do Peugeot 208, que deverá vir ao Brasil em 2021, é uma das novidades do Salão de Genebra 2019
Newspress

A nova geração do Peugeot 208, que deverá vir ao Brasil em 2021, é uma das novidades do Salão de Genebra 2019

Com linhas mais arrojados que as do Peugeot 208
atual, o novo segue o estilo do dupla de SUVs 3008 e 5008, o que inclui lanternas traseiras com lentes escurecidas e que usam LED no lugar das lâmpadas convencionais. O apelo esportivo fica ainda mais evidênte nessa nova geração por detalhes como  o defletor de ar no teto, na versão GT, também vem na mesma cor, com para-choque e difusor de ar com moldura preta ao centro.

LEIA MAIS:  Confira detalhes do novo Peugeot 208 mostrado no Salão de Genebra 

O carro da Peugeot também impressiona pelo interior futurista, que conta com o novo cluster digital e a nova central multimídia, que por sua vez ficaram mais elevados. Elas virão com painel em dois níveis, com comandos cromados, em estilo teclas de piano, como no SUV 3008. Mais abaixo, o console parece ter carregamento de celulares por indução e a alavanca com acionamento elétrico.

Veja Também:  Confira os 10 carros mais estranhos que se tem notícia até hoje

Jeep Renegade com novo motor 1.3 turbo no Salão de Genebra 2019 também está na curta lista dos carros do evento que interessam ao Brasil
Newspress

Jeep Renegade com novo motor 1.3 turbo no Salão de Genebra 2019 também está na curta lista dos carros do evento que interessam ao Brasil

No caso do Jeep Renegade mostrado no Salão de Genebra, o que chama atenção é o motor 1.3 turbo, que deverá ser adotado no Brasil para substituir o pouco eficiente 1.8 flex, cuja origem vem da antiga Tritec e que recebeu algumas mudanças para equipar os modelos do Grupo FCA.

Na Europa, esse novo motor 1.3 turbo, com injeção direta de gasolina, é capaz de gerar entre 150 cv e 180 cv. No Brasil, deverá ser convertido para funcionar tanto com etanol quanto com o derivado do petróleo. Com isso, haverá como torná-lo ainda mais potente para substituir o 2.0 Tigershark que equipa hoje em dia o Compass Flex.

LEIA MAIS:  Mitsubishi antecipa detalhes da linha 2020 do ASX com novo visual


A versão renovada do Mitsubishi ASX é um dos poucos carros que estão no Salão de Genebra 2019 e que deverão chegar ao Brasil
Newspress

A versão renovada do Mitsubishi ASX é um dos poucos carros que estão no Salão de Genebra 2019 e que deverão chegar ao Brasil

E o terceiro carro que está no Salão de Genebra 2019 e poderá ser vendido no Brasil está o Mitsubishi ASX
reestilizado. As mudanças estão mais concentradas na frente, com para-choque saliente que se integra à nova grade cromada e aos faróis redesenhados e parecidos com os do Eclipse Cross.

Na traseira, a principal mudança da versão renovada do ASX mostrada no Salão de Genebra 2019
fica por conta das lanternas redesenhadas e que usam apenas LED no lugar das lâmpadas convencionais. Também aproveitaram para reestilizar as linhas do para-choque, que passou a ter um aspecto mais esportivo. 

Comentários Facebook
Propaganda

Carros e Motos

Lamborghini Miura que ficou 40 anos guardado vai a leilão

Publicados

em


source
Lamborghini Miura P400 S ficou sem pintura depois da restauração, apenas com o metal da carroceria polido
Divulgação

Lamborghini Miura P400 S ficou sem pintura depois da restauração, apenas com o metal da carroceria polido

Conhecido como o primeiro supercarro com motor central, o Lamborghini Miura não é aquele tipo de clássico que se costuma ver abandonado. Mas uma rara unidade P400S ficou 40 anos guardada e, depois de restaurada, vai ser leiloada, ainda sem pintura, mas com todo o resto em perfeito estado.

O Lamborghini Miura P400S em questão teve como primeiro dono uma jovem de 19 anos que foi estudar na Califórnia (EUA) e ganhou o carro de presente dos pais iranianos. Ela ficou com o superesportivo por dois anos até que sofreu um pequeno acidente e o carro precisou ir para a oficina.

Então, a raridade acabou sendo vendida logo em seguida de feitos os reparos e o novo dono pediu algumas peças para a Lamborghini, em 1977, mas nunca chegou a usá-las no carro, que ficou parado por mais de 40 anos. Depois disso, em 2019, o modelo começou a passar por um processo de restauração longo e completo.

A versão P400 S de 1971 é uma das apenas 50 que foram fabricadas antes da chegada da SV. E durante a restauração trataram de reforçar a estrutura original e de instalar carburadores Webber ainda maiores junto com os coletores e cabeçotes do SV, o que o torna ainda mais especial.

O leilão vai acontecer no próximo dia 14 de agosto, em Monterey, na Califórnia. E mesmo com a decisão de ter deixado o Lamborghini Miura sem pintura, apenas com o metal polido, estima-se que o carro seja arrematado por algo entre US$ 1,8 milhão e US$ 2,2 milhão, ou cerca de R$ 11,5 mihões numa conversão simples.

Fonte: IG CARROS

Comentários Facebook
Continue lendo

Carros e Motos

Vendas se recuperam no acumulado do ano, mas volume ainda é baixo

Publicados

em


source


Falta de semicondutores foi um dos vilões para a dificuldade na produção de veículos hoje em dia
Divulgação

Falta de semicondutores foi um dos vilões para a dificuldade na produção de veículos hoje em dia

De acordo com um levantamento da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores – Fenabrave, os emplacamentos de veículos automotores, considerando todos os segmentos automotivos, encerraram o mês de julho próximo da estabilidade, na comparação com junho (baixa de 0,02%).

Outro dado apontado pela entidade foi a queda de 7,3% no volume de automóveis emplacados , segmento que, conforme ranking histórico, registrou o pior mês de julho desde 2005. A explicação é a escassez de produtos nas concessionárias, por conta das dificuldades que a indústria enfrenta para a obtenção de peças e componentes como o de semicondutores .

Já os comerciais leves , que apresentam menor dependência de componentes eletrônicos, mantêm a recuperação e mostram que o bom momento poderia ser estendido às vendas de automóveis , caso houvesse disponibilidade de produtos.

Veja Também:  Toyota Etios Sedan xVW Voyage: sedãs compactos automáticos se enfrentam

Em julho, conforme os dados da Fenabrave, foram vendidos 162.404 automóveis e comerciais leves ante 169.575 do mês anterior, o que representa uma queda de 4,23%. No acumulado dos sete primeiros meses de 2021 foram 1.169.052 unidades, contra 926.277 do mesmo período de 2020, ou seja, houve um aumento de 26,2%. 

Você viu?

Linha de montagem de motos foi a que menos foi afetada pela falta de semicondutores na indústria
Divulgação

Linha de montagem de motos foi a que menos foi afetada pela falta de semicondutores na indústria

Na contramão da crise na indústria automotiva, o mercado de motocicletas continua aquecido e com boa disponibilidade de crédito, com aprovação média de 4,8 propostas para cada 10 enviadas aos agentes financeiros .

Porém, assim como acontece com os automóveis, as montadoras de motocicletas também enfrentam problemas na obtenção de peças e componentes para regularizar sua produção, frente à alta demanda.

Ainda segundo a Fenabrave foram vendidas 112.586 motos em julho de 2021, ante 106.716 unidades de junho, volume 5,5% maior. Já entre janeiro de julho de 2021 (629.917) e o mesmo período do ano passado (435.445), houve alta de 44,7%.

Veja Também:  Jeep lança novaversão do Compass com uma série de itens exclusivos

“O número de emplacamentos, até agora, mostra que o setor, no geral, mantém sua trajetória de recuperação , com um volume total próximo ao que registramos nos últimos anos, antes da pandemia.

E se a produção estivesse normalizada, principalmente, para automóveis, poderíamos ter um crescimento ainda maior do que o previsto para este ano”, afirma Alarico Assumpção Júnior, presidente da Fenabrave.

Fonte: IG CARROS

Comentários Facebook
Continue lendo

QUEREMOS SABER SUA OPINIÃO

"2021" QUAIS SÃO AS SUAS EXPECTATIVAS PARA ESTE ANO QUE SE INICIA

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Mais Lidas da Semana