conecte-se conosco


Mato Grosso

Seciteci abre inscrições para a XIII Mostra Estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação

Publicados

em


Estão abertas as inscrições para a ‘13ª Mostra Estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação (XIII Mecti)’ que será realizada pela Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação (Seciteci) entre os dias 19 a 21 de outubro. Assim, como em 2020, neste ano, o evento será em formato totalmente virtual, para fomentar projetos voltados ao tema “Ciências; Engenharias e Economia Criativa”. As inscrições são gratuitas e deverão ser realizadas no site oficial até o dia 30 de setembro AQUI.

A XIII MECTI será realizada em parceria com o Instituto Farmun, com a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Mato Grosso (Fapemat), além do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTI). O evento ocorrerá juntamente com a 18ª Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT), que neste ano, vai tratar sobre a transversalidade da ciência e tecnologia e inovações para o planeta.

O secretário da Seciteci, Nilton Borgato, ressalta que o objetivo principal da mostra é fomentar a pesquisa científica dentro das unidades escolares e facilitar os caminhos para a divulgação.

“Este ano os alunos poderão elaborar projetos em diversas áreas da Ciência, como agrárias, biológicas, humanas, saúde, sociais, além de engenharias e economia. A ideia é promover os projetos e incentivar escolas a criarem pesquisas, protótipos, instrumentos, além de ofertar condições para explicar os fenômenos de forma lógica, coerente e consistente, por meio de métodos de observação e experimentação”, explicou o secretário.

Veja Também:  "Asfalto na MT-448 vai encurtar em 200 km a distância até Cuiabá", afirmam prefeitos

A superintendente de Desenvolvimento Científico Tecnológico e de Inovação da Seciteci, Lectícia Figueiredo, explica que as avaliações dos projetos apresentados serão realizadas com data e hora marcadas, por meio da plataforma Google Meet, os inscritos receberão o link para apresentação dos trabalhos. No dia 8 de outubro serão divulgados os projetos selecionados.

“Os alunos poderão ser inscritos em duas categorias: estudantes do 8º e 9º ano do Ensino Fundamental ou estudantes do Ensino Médio e Técnico. Todos devem estar regularmente matriculados em escolas da rede pública ou privada de Mato Grosso”, disse.

Ao todo serão premiados 30 projetos, distribuídos em cada categoria. Os nove selecionados para primeiro lugar, no Ensino Fundamental, Médio e Técnico terão como premiação um smartphone e um óculos de realidade virtual para cada aluno. O melhor projeto nas categorias Ensino Médio ou Técnico será indicado para participar da Feira Brasileira de Ciência e Engenharia (Febrace), da USP.

Os 24 melhores projetos do Ensino Médio, selecionados na avaliação serão premiados com uma bolsa de Iniciação Científica Junior (ICJ) com duração de um ano, para cada aluno. Para os três melhores projetos avaliados nas categorias de Ciências, Engenharia e Economia criativa, os professores/orientadores receberão uma bolsa ATP-A (CNPq) por 6 meses.

Veja Também:  Pleno realiza 22ª sessão ordinária nesta terça-feira (24)

Além disso, o Instituto Farmum premiará o projeto mais pontuado na XIII MECTI, voltado ao tema Agro, sendo que as categorias: Ciências; Engenharias e Economia Criativa podem ser relacionadas ao tema. O aluno vencedor ganhará um curso de inglês pelo Wise Up com duração de seis meses e um intercâmbio nos Estados Unidos por um período mínimo de três a seis meses na área do Agro, com custeio da viagem.

A escola onde o aluno vencedor estuda ganhará uma premiação em dinheiro, no valor de R$ 25 mil, para desenvolver um projeto que será elaborado entre a escola e o Instituto Farmun. Além disso, neste ano a Farmun premiará o professor/orientador do projeto vencedor, no qual receberá um curso de capacitação de acordo com a área de atuação do profissional.

Outras informações: (65) 99981 6942, ou pelo e-mail:  [email protected]

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Propaganda

Mato Grosso

Licença Internacional, CNH Definitiva, 2ª Via e Renovação podem ser solicitadas pelo MT Cidadão

Publicados

em


Cidadãos mato-grossenses podem solicitar Licença Internacional de Direção (PID), 2ª via, renovação e CNH definitiva diretamente pelo aplicativo MT Cidadão. O app ainda permite a atualização do exercício de atividade remunerada, agendamentos e solicitação de atendimentos de junta médica e emissão de certidão.

Outra facilidade é validação por meio do QRcode em dispositivos móveis ou no site do Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso (Detran-MT).  Os serviços públicos digitais fazem parte da última atualização do app, que já se encontra disponível para download gratuito nas principais lojas de aplicativos,

AGENDAMENTO

Para facilitar a vida dos usuários, o app passou a disponibilizar um serviço de agendamento para a realização de coleta das imagens de biometria, assinatura e de face. O usuário também pode optar por agendar a retirada do documento na sede do órgão ou optar pela entrega a domicilio.

Para o diretor-presidente da MTI, Antônio Marcos de Oliveira, as soluções disponibilizadas mais uma vez colocam Mato Grosso na vanguarda da tecnologia. No último ano, Mato Grosso foi o terceiro estado que mais evoluiu no ranking de serviços públicos digitais formulado pela Associação Brasileira de Entidades Estaduais de Tecnologia da Informação e Comunicação (Abep-TIC).

Veja Também:  Detran-MT participa de diversas ações educativas em Guarantã do Norte e região

MT Cidadão

O MT Cidadão é uma iniciativa do Governo do Estado de Mato Grosso que visa ampliar a transparência e prestação de serviços ao cidadão. Desenvolvido e mantido pela Empresa Mato-Grossense de Tecnologia da Informação (MTI), é uma plataforma que disponibiliza em um só lugar vários serviços digitais essenciais e relevantes para o cidadão.

A atualização já está disponível para Android na loja Google Play e para o sistema IOS na App Store.

Este projeto foi objeto de atividade realizada em conjunto entre a Diretoria de Habilitação do Detran-MT, liderada pelo diretor Alessandro Alencar de Andrade, responsável pela definição das regras do processo e pelas equipes da MTI de sustentação do Sistema Detran-NET, de Transformação Digital  e de Infraestrutura, liderados pelos analistas Carlos Pini, Fernando Duarte, José Dias, Sayuri Joazeiro e Uiliam Silva.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

Tese de mestrado será apresentada pela primeira vez em propriedade rural em MT

Publicados

em


A Empresa Mato-grossense de Pesquisa, Assistência e Extensão Rural (Empaer) promove nesta quarta-feira (29.09), às 9h, a primeira defesa de mestrado em uma propriedade rural. A iniciativa representa o primeiro passo do projeto ‘Defesa no Campo’ e irá acontecer em uma propriedade em Santo Antônio do Leverger (a 34 km de Cuiabá).

A conclusão do trabalho acontecerá na propriredade do senhor Joarez Vilas Boas e será defendida pelo engenheiro florestal Hector de Oliveira, discente do Programa de Pós-graduação em Recursos Hídricos da Universidade Federal de Mato (UFMT), sob a orientação do coordenador de Assistência Técnica e Extensão Rural da Empaer, o engenheiro agrônomo e doutor, Fabrício Ramos. A banca avaliadora será composta por cinco membros, mestres e doutores especialistas no segmento.

Fabrício explica que o objetivo do projeto é inovar no serviço de pesquisa e extensão rural, integrando a universidade com o produtor rural. Ele defende a importância que as pesquisas de pós-graduação como, mestrado e doutorado sejam realizadas nas propriedades rurais, sendo que no geral, têm sido finalizadas no ambiente das universidades.

Veja Também:  Lei Seca prende mais 15 pessoas neste fim de semana

“Essa iniciativa visa estimular estudantes a realizarem as defesas dos seus trabalhos científicos nos locais onde ocorreram as pesquisas, pois entendemos que essa abordagem é importante para melhorar a difusão do conhecimento gerado, além de valorizar os agricultores e produtores rurais que demandam, apoiam e participam das pesquisas”, define ele.

Durante a execução do projeto, o produtor participou ativamente de todas as etapas, cujo objetivo foi mapear a capacidade de uso do solo da sua propriedade para determinação das áreas mais propícias para cultivos intensivos.

Serviço:

Primeira ‘Defesa no Campo’ promovida pela Empaer

Onde: Propriedade rural do senhor Joarez Vilas Boas, em Santo Antônio do Leverger

Horário: 9h

 Amostragem para análise física e química e classificação das cores do solo Foto: Empaer-MT

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

QUEREMOS SABER SUA OPINIÃO

EM SEU PONTO DE VISTA ATÉ O MOMENTO A GESTÃO DR. DIVINO PREFEITO DE BARRA DO BUGRES ESTÁ?

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Mais Lidas da Semana