conecte-se conosco


Mato Grosso

Sema apresenta redução de 21% no desmatamento em MT ao vice-presidente Mourão

Publicados

em


A redução do desmatamento ilegal em Mato Grosso foi apresentada ao vice-presidente do Brasil, Hamilton Mourão, pela secretária de Estado de Meio Ambiente e presidente da Associação Brasileira de Entidades Estaduais de Meio Ambiente (Abema), Mauren Lazzaretti. O encontro aconteceu nesta sexta-feira (15.10), em Brasília.

Mato Grosso teve uma redução do desmatamento superior aos Estados da Amazônia Legal. “Ressalto a importância do trabalho de combate à ilegalidade ambiental realizado em conjunto com o Governo Federal, que colaborou com que tivéssemos esta redução do desmatamento tão positiva para o Estado”, afirma a gestora.

De agosto de 2020 a julho de 2021, houve a queda de 21,7% nos alertas de desmatamento, enquanto a média da Amazônia Legal é 4,3% em comparação com o mesmo período do ano anterior. O dado oficial é do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Prodes/Inpe).

Na ocasião, a criação de uma nova norma técnica internacional para medir o desmatamento também foi tema do encontro. A norma proposta pelo Brasil normatiza a medição do desmatamento e está em elaboração pela Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) em cooperação com a Abema, após aprovação do Comitê Técnico ISO (Organização Internacional de Normalização).

Veja Também:  Mutirão de cadastramento será realizado para moradores do bairro Pedra 90 e região nesta sexta (03)

“Apresentamos ao vice-presidente como o Brasil se destaca com a nossa proposta aprovada, e como estamos trabalhando para estabelecermos uma métrica de controle de desmatamento e medição da vegetação, de monitoramento das florestas, e criação de indicadores que padronizam o modo com que se calcula a madeira retirada de uma área”, explica a presidente da Abema.

A Norma Internacional ISO prevê procedimentos de medição associados à cadeia de custódia em áreas de manejo de floresta tropical nativa, o que garante o rastreio da matéria-prima florestal até chegar ao consumidor final e inibe o crime de desmatamento ilegal.

O trabalho conjunto entre Abema e ABNT também busca atender à crescente demanda do mercado internacional de madeira com transparência sobre a sua origem sustentável.

O vice-presidente recebeu também as duas últimas edições da Revista Abema, que mostram o trabalho dos Estados em prol do meio ambiente, com destaque para as ações na Amazônia Legal e o avanço na implantação do Cadastro Ambiental Rural (CAR). As edições estão disponíveis no site: www.abema.org.br. 

Participaram da agenda o presidente da ABNT, Mario William Esper; o diretor da ABNT, Ricardo Rodrigues Fragoso; e a secretária adjunta de Licenciamento Ambiental e Recursos Hídricos, Lilian Ferreira dos Santos.

Veja Também:  Servidoras do MTPrev participam de palestras sobre prevenção do câncer de mama

ABNT

A ABNT é o único Foro Nacional de Normalização, por reconhecimento da sociedade brasileira desde a sua fundação, em 28 de setembro de 1940, e confirmado pelo Governo Federal por meio de diversos instrumentos legais. É responsável pela elaboração das Normas Brasileiras (NBR), destinadas aos mais diversos setores.

A sociedade identifica na Marca de Conformidade ABNT a garantia de que está adquirindo produtos e serviços em conformidade, atendendo aos mais rigorosos critérios de qualidade. A ABNT Certificadora tem atuação marcante nas Américas, Europa e Ásia, realizando auditorias em mais de 30 países.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Propaganda

Mato Grosso

Governo de MT paga 50% a mais de auxílio emergencial aos beneficiários do SER Família

Publicados

em


Os beneficiários do programa SER Família Emergencial receberão unicamente no mês de dezembro um adicional de 50% no recurso depositado no cartão. O valor de R$ 300, garantido pela Lei 602/2021, será pago nessa quarta-feira (08.12), conforme anuncio feito pelo governador Mauro Mendes.

O aumento do valor beneficia mais de 100 mil famílias em situação de vulnerabilidade de todo o Estado. O pagamento de R$ 200 é garantido, bimestralmente, até dezembro de 2022. O benefício é destinado exclusivamente para compra de alimentos, sendo proibida a aquisição de bebidas alcoólicas, produtos à base de tabaco, cosméticos e combustíveis.

“Garantimos uma renda maior nesse fim de ano para as famílias que mais precisam de ajuda. É o poder público fazendo a sua parte”, disse o governador. Além disso, Mendes também lembrou que serão distribuídas 100 mil cestas de Natal para as famílias vulneráveis de todo o Estado.

As cestas, de acordo com a secretária de Assistência Social e Cidadania (Setasc), Rosamaria Carvalho, já estão sendo distribuídas para todos os municípios mato-grossenses. “São esforços da primeira-dama Virginia Mendes, que tem se empenhado para que essas cestas beneficiem diversos públicos vulneráveis”.

Veja Também:  Madeira apreendida pelo Juvam de Rondonópolis vira matéria-prima para ressocialização de reeducandos

O Ser Família é fornecido às famílias com renda mensal per capita de até R$ 89, inscritas no Cadastro Único das Políticas Sociais Brasileiras do Ministério da Cidadania (CadÚnico) e também no Programa Bolsa Família.

Informações pelos telefones: (65) 3613-5701; (65) 3613-5722; (65) 99233-0817; (65) 99339-7468; e (65) 98433-0386.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

Beneficiários do SER Família vão receber adicional de 50% no mês de dezembro

Publicados

em


Os beneficiários do programa SER Família Emergencial receberão unicamente no mês de dezembro um adicional de 50% no recurso depositado no cartão. O valor de R$ 300, garantido pela Lei 602/2021, será pago nessa quarta-feira (08.12), conforme anuncio feito pelo governador Mauro Mendes.

O aumento do valor beneficia mais de 100 mil famílias em situação de vulnerabilidade de todo o Estado. O pagamento de R$ 200 é garantido, bimestralmente, até dezembro de 2022. O benefício é destinado exclusivamente para compra de alimentos, sendo proibida a aquisição de bebidas alcoólicas, produtos à base de tabaco, cosméticos e combustíveis.

“Garantimos uma renda maior nesse fim de ano para as famílias que mais precisam de ajuda. É o poder público fazendo a sua parte”, disse o governador. Além disso, Mendes também lembrou que serão distribuídas 100 mil cestas de Natal para as famílias vulneráveis de todo o Estado.

As cestas, de acordo com a secretária de Assistência Social e Cidadania (Setasc), Rosamaria Carvalho, já estão sendo distribuídas para todos os municípios mato-grossenses. “São esforços da primeira-dama Virginia Mendes, que tem se empenhado para que essas cestas beneficiem diversos públicos vulneráveis”.

Veja Também:  Unemat abre vestibular com 1.000 vagas para Educação a Distância

O Ser Família é fornecido às famílias com renda mensal per capita de até R$ 89, inscritas no Cadastro Único das Políticas Sociais Brasileiras do Ministério da Cidadania (CadÚnico) e também no Programa Bolsa Família.

Informações pelos telefones: (65) 3613-5701; (65) 3613-5722; (65) 99233-0817; (65) 99339-7468; e (65) 98433-0386.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

QUEREMOS SABER SUA OPINIÃO

EM SEU PONTO DE VISTA ATÉ O MOMENTO A GESTÃO DR. DIVINO PREFEITO DE BARRA DO BUGRES ESTÁ?

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Mais Lidas da Semana