conecte-se conosco


Mulher

“Tive coragem de fazer o que queria com meu corpo”, diz Angélica Morango

Publicados

em


source
Angélica participou do BBB 10
Reprodução/Instagram

Angélica participou do BBB 10


Angélica Martins , mais conhecida como a ‘Morango’ do BBB 10, diz que sua relação com próprio corpo é como na música ‘Triste, Louca ou Má’: ‘sua carne não te define, você é seu próprio lar’. Aos 36 anos, ela trabalha com produção de conteúdo adulto para o aplicativo ‘ OnlyFans ‘ e agora com uma parceria com o ‘Câmera Prive’. Ela diz lidar bem com o trabalho e que encontrou paz ao silenciar o conservadorismo “que ouviu a vida inteira”. 

“Enquanto mulher, passei a maior parte da minha vida tentando me adequar ao que, teoricamente, era o comportamento de uma mulher”. Angélica se entendeu lésbica aos 16 anos e conta que sentiu mais uma vez essa necessidade de adequação e que não devia fazer o que mandavam.

“Há diversas correntes e movimentos falando o que você deve ou o que você não deve fazer. A paz que encontrei surgiu quando silenciei o que ouvi a vida inteira e segui a minha vontade. Eu sou um ser humano independente. Defendo diversas causas, mas respondo pelos meus atos”, diz. 

Feminista ativa nas redes sociais, Angélica não se sente incomodada em produzir conteúdo adulto e ganhar dinheiro com vídeos e fotos sensuais. “Tive coragem de fazer o que eu queria com meu corpo quando vi outras mulheres fazendo. Há quem vá encarar como empoderamento, há quem vá dizer que é comercialização. A interpretação é pessoal”, conta. 

Veja Também:  Conheça o jelly, nova tendência coreana e japonesa de skin care para pele oleosa

Para Angélica, nunca houve preconceito em ver ou produzir conteúdo adulto. “Pelo contrário. O que mudou, ao longo do tempo, foi a percepção das coisas”, diz. “Quando a gente fala em conteúdo adulto, o leque é muito amplo, e a interpretação, muito pessoal. Por exemplo: uma pessoa que tem fetiche por pés não precisa assinar um conteúdo específico. Pode se deleitar com o conteúdo gratuito, acessível e infinito do Instagram com pessoas de pés descalços na praia ou fazendo publis de chinelos. O que é erótico pra uns não será pra outros. E sobre isso não temos controle”, diz. 

Você viu?

Do Paparazzo ao OnlyFans

Angélica fez as primeiras fotos sensuais no Paparazzo
Reprodução/Paparazzo

Angélica fez as primeiras fotos sensuais no Paparazzo


A influenciadora conta que já fez ensaios sensuais, mas nada como as produções que faz no aplicativo. “Trabalho como modelo desde os 20 anos, mas não tinha feito algo tão explícito. A primeira foto pro Onlyfans foi bem marcante pra mim. No meu quarto, nua, de corpo inteiro. Era o meu espaço, não um estúdio ou uma locação, e sozinha, sem equipe. Isso fez e faz toda a diferença”, afirma.

Fotógrafa profissional, a pressão que Angélica coloca em cima das próprias fotos é enorme, mas é madura para não deixar se levar pela pressão estética. “A maturidade e o meu estilo de vida me trouxeram uma paz de espírito que eu não tinha experimentado antes. Me acho muito mais bonita e muito mais mulherão hoje que aos 20”, diz. 

Veja Também:  Com 20 kg a menos, mulher conta como conseguiu emagrecer com dieta e exercícios

Sem medo de se expor

Angélica conta que avaliou os riscos antes de entrar de vez no mundo do conteúdo adulto. “Independentemente da área de atuação, me preparei para isso. Quando a gente tira um nude, seja pra publicar no Onlyfans ou pra enviar pra pessoa que a gente tá a fim, deve ter em mente que aquele conteúdo pode vazar”, diz.

“E sim, o vazamento é crime, a pirataria de conteúdo é crime, mas, infelizmente, pode acontecer. Propositalmente ou porque o aparelho pode ser roubado, hackeado etc. Quando eu envio um nude, seja pra apimentar a relação ou pra atualizar o conteúdo em um site, penso: ‘tudo bem se vazar?’. Se a resposta for sim, vou com tudo”, afirma.

No OnlyFans, Angélica conta que nunca teve propostas indecentes ou teve que bloquear alguém. “O máximo que já aconteceu foi tentarem uma aproximação de lá pras redes sociais, o que não aceito, e tentarem marcar encontros presenciais. Não aceito nenhuma dessas opções, e deixo isso bem claro. Nunca recebi ofensas ou xingamentos de baixo calão lá”, conta. 

Após começar no OnlyFans, Angélica agora tem uma parceria com o Câmera Privê e também fez um curta adulto recentemente. “O trabalho com o Câmera Privê aconteceu este ano e tá sendo lindo demais. Não posso contar detalhes, mas vem muito aí. Sobre o curta, foi um trabalho independente e inédito, e a repercussão tem sido incrível”, diz. 

Fonte: IG Mulher

Comentários Facebook
Propaganda

Mulher

5 passos para tratar as manchas de melasma

Publicados

em


source
5 passos para tratar as manchas de melasma
Reprodução: Alto Astral

5 passos para tratar as manchas de melasma

Você já ouviu falar em melasma ? De modo geral, essa condição consiste em manchas escuras no rosto, principalmente em áreas como queixo, bochechas, nariz, buço e testa. Todavia, ela também pode acometer outras regiões do corpo para além da face, surgindo nos braços, pescoço e colo, por exemplo.

Segundo estudos da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), ainda não há uma causa definida para o aparecimento do melasma, mas ele está relacionado ao uso de anticoncepcionais femininos, gravidez, questões hormonais e, sobretudo, à exposição solar — não apenas à luz ultravioleta, como também à visível. Outro ponto destacado pela entidade, é que mulheres são mais propensas a ter as manchas, embora homens também possam apresentá-las.

Há alguns anos, a modelo Mariana Goldfarb contou que, além das sardas naturais, também tem melasma e relatou usar protetor solares todos os dias e manter uma rotina de skincare. Ela também aproveitou o momento para falar sobre autoaceitação e beleza natural, temas constantemente discutidos em seu perfil.

Dessa forma, prevenção e tratamento são os maiores aliados contra esse distúrbio de pele. “Essas manchas são mais escuras e podem agravar se não forem tratadas corretamente. Por isso, é muito importante tirar um tempo do nosso dia para tratá-las, clareá-las e impedir que voltem”, pontua a especialista em estética facial e corporal Luzia Costa.

Veja Também:  Dicas da Benzedeira: o poder do manjericão

5 passos para tratar as manchas do melasma

Confira algumas dicas elencadas pela profissional para pôr em prática no dia a dia e cuidar adequadamente das manchinhas!

1 – Mantenha o skincare em dia

Assim como todas as peles, essa também precisa de cuidados diários e específicos para manter-se limpa, hidratada, protegida e tratada. Além de escolher produtos adequados para o seu tipo de pele junto ao seu dermatologista, lembre-se que a rotina deve ser feita todos os dias.

2 – Hidrate-se!

De acordo com Luzia, a hidratação passa a ser ainda mais importante em pessoas que apresentam a condição, visto que ela consegue potencializar o efeito dos protetores solares contra o sol e conferir ainda mais vitalidade e saúde à todas as peles, sem distinção.

3 – Proteção é obrigatória

Já vimos que um dos principais fatores para o surgimento do melasma é a exposição ao sol e também às luzes artificiais. Portanto, é fundamental aplicar o fotoprotetor todos os dias e reaplicá-lo em determinados intervalos. “Na hora de escolher o protetor solar, opte sempre por um que tenha fator de proteção alta (como o FPS 50), que seja próprio para o rosto e que proteja também contra luzes de celulares e computadores, além dos raios ultravioletas”, destaca a especialista.

Veja Também:  Mãe fica noiva do melhor amigo do filho, 21 anos mais novo que ela

Outro ponto ressaltado por ela, é investir em barreiras físicas contra o sol, como o uso de bonés, viseiras, chapéus e óculos de sol, especialmente quando for à praia ou piscina e tiver um contato direto com o sol. Afinal de contas, essa exposição pode agravar manchas já existentes ou até mesmo desencadear o problema.

4 – Alimente-se bem

Não é novidade que os cuidados com o corpo devem acontecer também de dentro para fora. “Opte sempre por comer frutas e vegetais que tenham betacaroteno, licopeno e vitamina A. Essas substâncias auxiliarão as células no combate aos radicais livres”, indica Luzia.

5 – Consulte o(a) dermatologista

O médico dermatologista é especialista em questões de pele, logo, é o profissional indicado para tratar o melasma. Além de diagnosticar a condição, ele mostrará alternativas para tratar as manchas, indicará os produtos corretos e discorrerá sobre os cuidados que devem ser tomados. Sendo assim, é extremamente importante marcar essa consulta e não aplicar ou usar nenhum remédio, creme ou dermocosmético sem orientação.

Fonte: Luzia Costa, formada em Estética, especialista em estética facial e corporal, desenvolvimento pessoal, massoterapia e imagem pessoal, é também CEO da marca Sóbrancelhas, especializada em micropigmentação e microblading.

Fonte: IG Mulher

Comentários Facebook
Continue lendo

Mulher

Xamanismo: entenda mais sobre esse tipo de ritual

Publicados

em


source
Xamanismo: entenda mais sobre esse tipo de ritual
Redação João Bidu

Xamanismo: entenda mais sobre esse tipo de ritual

O xamanismo vem desde os séculos passados, quando a ciência dava os seus primeiros passos, e ainda não existiam medicamentos industrializados. Então eram nos rituais religiosos que as pessoas buscavam a cura de suas doenças. Um líder espiritual entrava em transe e invocava espíritos para negociar a salvação da alma dos doentes, pois acreditavam que as pessoas caíam em enfermidade por causa de suas almas perdidas. Esse conjunto de práticas é conhecido como xamanismo , e não se reduz a uma só definição. É uma crença, um ritual, mas não uma religião, pois apesar de ter muitos seguidores, não tem um fundador, nem um livro sagrado e nem mesmo uma doutrina.

JÁ CONFERIU O HORÓSCOPO DE HOJE NO SITE DO JOÃO BIDU? VEJA AS TENDÊNCIAS ASTRAIS PARA O SEU SIGNO!

primavera

O que é o xamanismo

O xamanismo é usado para designar um dos sistemas de rituais mais antigos da humanidade, realizado por comunidades que se estendem da Ásia até o extremo sul da América . O termo é originado da palavra xamã , que é derivada de çaman , palavra utilizada pelos povos indígenas, denominados como Evenks siberianos, para nomear os seus rituais. Xamã é o líder religioso intermediário entre o mundo espiritual, a natureza e a comunidade. No Brasil, nas tribos indígenas, são chamados de pajé. 

Veja Também:  Mãe fica noiva do melhor amigo do filho, 21 anos mais novo que ela

Em cada comunidade, a prática do xamanismo possui suas particularidades. Por exemplo, a mediação exercida pelos xamãs amazônicos é diferente da exercida pelos povos maias e astecas. Enquanto os pajés encontram os espíritos e negociam com eles, os astecas e maias constroem templos e oferecem até sacríficos humanos aos seus xamãs. Essa prática de invocar espíritos é muito antiga e estudos arqueológicos indicam que existem pinturas em cavernas realizadas há mais de 50 mil anos que retratam seres metade homem, metade animal.

LEIA TAMBÉM

Fonte: IG Mulher

Comentários Facebook
Continue lendo

QUEREMOS SABER SUA OPINIÃO

EM SEU PONTO DE VISTA ATÉ O MOMENTO A GESTÃO DR. DIVINO PREFEITO DE BARRA DO BUGRES ESTÁ?

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Mais Lidas da Semana