conecte-se conosco


Barra do Bugres

Violência contra a mulher é tema de palestra em frigorífico de Tangará da Serra

Publicado

por –  – Bem Notícias

A violência contra mulher e o feminicídio foram tema de uma série de palestras realizadas pela Polícia Militar no município de Tangará da Serra.
A iniciativa integra o projeto ‘ Patrulha Maria da Penha’, que dessa vez teve como público 350 funcionários da empresa frigorífica Marfrig, com sede na cidade. A ação é coordenada pelo 7º Comando Regional da PM em parceria com a iniciativa privada e as palestras são ministradas pelos policiais que atendem na região.  O objetivo da iniciativa é reduzir e combater crimes de violência contra a mulher e o feminicídio por meio de atividades preventivas e educativas.

Durante as palestras os policiais passaram informações sobre as formas de violência doméstica, como buscar ajuda e auxiliar pessoas que enfrentam essa problemática.  Explicaram ainda como funciona o projeto criado para proteger as vítimas de violência doméstica ( Patrulha Maria da Penha). Entre o público estavam mulheres e homens de diferentes idades, que trabalham no frigorífico.

A sargento Valéria Cunha de Mello, do 19 º Batalhão de Policia Militar, faz parte da equipe formada por 11 militares que levam o ciclo de palestras para o setor privado. A militar conta que a experiência nos atendimentos do policiamento ostensivo ajuda na maneira de abordar o tema nas palestras e a idéia é mostrar que a PM está próxima para ajudar a todos.

Veja Também:  Lojas já estão abertas à noite para compras de Natal em Tangará da Serra

“A nossa experiência durante nossa atuação nas ruas nos ajuda a levar a informação necessária para essas pessoas. Falamos sobre os casos mais comuns, deste tipo de violência registrado na região, tiramos dúvidas e apresentamos os nossos canais de denúncia e apoio às mulheres vítimas destes tipos de crimes”, conta a sargento.

O ciclo de palestra foi dividido em turmas para atender todos os funcionários da empresa.

Projeto Patrulha Maria da Penha da PMMT

Leia mais:  Crianças de bicicleta colidem de frente e uma das vítimas fica em estado grave no Bairro Alto da Boa Vista

A Polícia Militar realiza  projetos específicos de proteção e defesa dos direitos de mulheres vítimas de violência doméstica e familiar em seis municípios mato-grossenses: Barra do  Garças, Cuiabá, Várzea Grande, Rondonópolis, Tangará da Serra e Sinop.

Em três destas cidades – Cuiabá, Várzea Grande e Barra do Garças – as ações fazem parte do sistema de rede, a ‘Patrulha Maria da Penha’, realizadas em parceria com Poder Judiciário, Ministério Público, Defensoria Pública, Polícia Judiciária Civil, entre outros órgãos, e têm como base do atendimento medidas protetivas decretadas pela Justiça. (Por PMMT)

Veja Também:  Veículo capota em Santo Afonso e veículo é depenado por bandidos

Comentários Facebook
publicidade

Barra do Bugres

Através de tentativa de homicídio PM descobre rede de tráfico de droga em Barra do Bugres

Publicado

Foto: PM/MT

Policiais militares da 12ª Companhia de Barra do Bugres prenderam na última terça-feira (15.09) dois homens por associação ao tráfico de droga, no bairro Maracanã.

Os policiais foram informados que dois homens em uma motocicleta atiraram na direção de pessoas que estavam na Orla do Rio Paraguai.

Em diligência e com as características dos suspeitos, eles foram reconhecidos. Durante o procedimento, um deles conseguiu fugir e não foi localizado.

O homem detido carregava 13 porções de cocaína. Ele alegou ter recebido a ordem de uma organização criminosa para matar duas pessoas,  devido uma dívida de droga. Não houve registro de pessoas feriadas à bala, na ocasião.

Ele apontou a casa do mandante do crime que foi detido logo em seguida. O suspeito seria o responsável pelo tráfico de droga em toda cidade. Na residência, os policiais encontraram mais 10 porções entre cocaína e maconha, uma balança e um revólver calibre 32, com munições intactas e deflagradas. O homem é cadeirante e  monitorado por tornozeleira eletrônica que estava desligada.

Veja Também:  Veículo capota em Santo Afonso e veículo é depenado por bandidos

Fonte: Assessoria

 

Barra News – A sua fonte diária de informação – Barra do Bugres MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Barra do Bugres

Mestre indígena confirma candidatura para representar seu povo

Publicado

Lennon Corezomaé foi escolhido pela comunidade para disputar Câmara Municipal

Por: Matheus Maurício / Muvuca Popular

Lennon.jpeg

Representatividade é a palavra que define algumas candidaturas existentes nas eleições deste ano de 2020. Esse é o caso do indígena e professor da rede pública, Lennon Ferreira Corezomaé, que confirmou sua candidatura a vereador pelo Podemos, na tarde da última segunda-feira (14). Lennon é pertencente ao povo Umutina-Balatiponé, da Aldeia Central do Território Umutina, que fica próximo ao município de Barra do Bugres (166 quilômetros de Cuiabá).

O professor contou a reportagem que ele e seus apoiadores estão com uma expectativa muito grande e otimistas para a sua candidatura, que agora está confirmada, pois caso venha a ganhar é uma chance dos povos indígenas terem um representante e, de certa forma, “voz” na política da região.

“Nós temos a dificuldade de fazer com que os nossos direitos sejam realmente alcançados. E nós acreditamos então que com uma figura, uma pessoa da aldeia, dentro da Câmara Municipal, seria o momento de nós realmente avançarmos nas políticas públicas em favor do povo Umutima”, destaca.

Veja Também:  Motociclista fica gravemente ferido após acidente em Tangará da Serra; fotos

Mesmo sendo uma pessoa jovem e com uma candidatura ainda recente, Lennon relata que já tem algumas propostas que serão estudadas e levadas a seu povo. Uma delas será a de tentar a destinação de 100% do ICMS ecológico para o território Umutina, além de outros projetos já pré-levantados.

“Também há a necessidade de brigar e apoiar pela brigada dentro do território como prevenção às queimadas que tem também. E estamos trabalhando para apoiar a lavoura dentro do nosso território, uma lavoura que possa dar autonomia para o nosso povo e dignidade”, cita o professor ao falar sobre as propostas.

A escolha de seu nome para representar o povo Umutina-Balatiponé foi feita de uma forma democrática, isso porque todas as aldeias foram reunidas e houve até um pleito interno onde ele acabou recebendo a maioria dos votos, após apresentação de algumas de suas propostas, mas Lennon relata que outras áreas têm lhe ajudado.

“Como eu sou professor, a área da educação também tem me dado um bom apoio, professores, secretários, o pessoal de educação de uma forma geral. Junto com os amigos e conhecidos que tem trabalhado para conseguir alavancar mais pessoas que acreditem em uma pessoa jovem que consiga fazer a diferença para toda Barra do Bugres”, finalizou.

Veja Também:  Lojas já estão abertas à noite para compras de Natal em Tangará da Serra

Lennon Ferreira Corezomaé é formado em educação física desde 2014 pela Universidade Federal de São Carlos (UFSCar), mestre em Educação pela UFSCar e desde 2018 foi aprovado no concurso do Governo o Estado, sendo docente no município de Barra do Bugres.

Fonte: Muvuca Popular

Barra News – A sua fonte diária de informação – Barra do Bugres MT

Comentários Facebook
Continue lendo

QUEREMOS SABER SUA OPINIÃO

O QUE VOCÊ ESTÁ ACHANDO DA GESTÃO DO GOVERNADOR MAURO MENDES ?

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Esportes

Mais Lidas da Semana